Últimas notícias

Vencedores do Milhão: Thiago Camilo, 2011

Largando da sétima posição, Camilo protagonizou uma das edições mais emocionantes da prova e conquistou a primeira de suas três vitórias no evento

A terceira edição da Corrida do Milhão aconteceu novamente em Interlagos, no dia 7 de agosto de 2011, em prova válida pela sétima etapa da temporada. Em um grid que tinha até o campeão mundial de Fórmula 1 Jacques Villeneuve correndo como convidado, Marcos Gomes saiu na pole position.

Saindo da sétima posição, Thiago Camilo logo se juntou ao grupo da ponta. Ele, Allam Khodair, Daniel Serra e Marcos Gomes revezaram-se na liderança por várias voltas, em disputas emocionantes do começo ao fim.

“Lembro de uma disputa muito intensa durante a corrida toda. Eu larguei em sétimo, depois de uma classificação difícil em que não conseguimos acertar bem o carro. Largar para trás na Stock Car é sempre muito complicado, ainda mais sabendo de uma corrida muito dura pela frente”, disse.

Thiago continua: “Mas no domingo o carro estava muito bom, reagiu muito bem e no começo consegui ganhar boas posições. O Marcos Gomes teve algum tipo de problema e consegui passar por ele faltando poucas voltas depois de muita disputa com o (Allam) Khodair, com o Serrinha e com o próprio Marquinhos. Nos revezamos bastante ali, e depois que passei o Marcos consegui abrir uma boa vantagem”.

A ultrapassagem aconteceu a 12 voltas do final. E era a última tentativa de Camilo. “Quando o ultrapassei, era o meu último acionamento do push, então era a minha última chance, o que acabou sendo bem decisivo. Depois de umas três voltas, faltando sete para o final eu fiquei sem direção hidráulica e aí ficou muito duro. Pelo menos eu tinha alguma vantagem e pude administrar”, recorda.

Foi a primeira das três vitórias que Thiago Camilo possui na Corrida do Milhão. Daniel Serra foi o segundo colocado e Max Wilson fechou o pódio em terceiro.

Como de praxe, prêmio dividido com a equipe e a possibilidade, para Thiago, de quitar alguns boletos com sua parte da bolada. “No meu primeiro milhão eu estava terminando de pagar as parcelas do meu apartamento, então aproveitei para quitar tudo, reformei e mobiliei, além de investir um pouco”, conta.